A governança como um projeto organizacional

Nessa segunda-feira, 24/06 às 08:00 AM, vamos abrir as matrículas para o novo curso do Software Zen: O Governança Ágil.

Se você ainda não conferiu a proposta, entre aqui na página pra saber como vai ser…

Se você se interessou em fazer, o processo é bem simples. Na segunda-feira pela manhã eu enviarei um e-mail abrindo as matrículas. No final da página haverá um botão de inscrição. Clique no botão e preencha as informações na tela de checkout (apenas nome completo, email, cpf e os dados da forma de pagamento). 

O processo é todo automatizado. Você recebe sua senha de acesso no ato da matrícula, e já vai poder se aquecer para o curso assistindo a entrevista que eu fiz com o Gustavo sobre o case de Software Craftmanship que ele implementou no Itamaraty junto com sua equipe.

Uma dúvida que pode estar passando pela sua cabeça: Será que esse curso é específico para governança de TI ou vai tratar a governança de modo mais amplo? Certamente não é específico para a área de TI . O Gustavo me esclareceu que a proposta é tratar a governança como um projeto organizacional (e não setorizado). Segundo ele:

— “Em alguns aspectos da governança até o próprio Product Owner pode atuar, por exemplo.“.

A questão gira em torno de como estruturar o trabalho para garantir o alinhamento organizacional em torno de três pilares: foco nos resultados de negócio, a garantia dos meios via apoio político + ownership, e o respeito à capacidade e aos critérios de execução técnica. Entretanto, mesmo com essa abordagem mais ampla, a TI é o ponto de partida, e é daí que sairão muitos dos exemplos, histórias e experiências que o Gustavo vai contar durante o programa (sem falar do super estudo de caso no último módulo do curso).

O que realmente não queremos mais, é a TI (ou qualquer outra área, inclusive as próprias áreas de negócio) como apenas executoras passivas de comandos top-down, sem uma conexão de propósito clara com as necessidades da organização, ou com as próprias necessidades de execução que vão nos levar aonde precisamos chegar.

É preciso um postura de governança que não só promova a ideia de “fazer acontecer”, mas de “fazer acontecer a coisa certa”.

É isso então… se prepare aí que segunda-feira a gente começa as matrículas, e dia 01/07 começamos o curso.

Mais detalhes aqui na página do curso…

ou responda a esse e-mail com a sua dúvida.

Grande abraço,
Alisson