Vem aí a 2a. Edição do curso “Liderança Sistêmica e a Gestão do Invisível no seu Time”

Na próxima segunda-feira, dia 28/10, nós vamos abrir as matrículas para o último evento do ano aqui na nossa plataforma de educação do Software Zen: a2a. Edição do curso “Liderança Sistêmica e a Gestão do Invisível no seu Time” com o psicólogo Henrique Santana.

Todos os detalhes estão aqui nessa página…

Esse é certamente um dos meus favoritos na programação de cursos do Software Zen.O Henrique Santanna é um psicólogo altamente especializado em pensamento sistêmico e que entende de forma profunda a realidade das empresas. No conteúdo desse programa, ele leva o nosso entendimento das relações humanas no trabalho para outro patamar.

Todas as aulas são abertas com uma frase inspiradora do James Baldwin:
“Nem tudo o que se vê pode ser mudado, mas nada pode ser mudado até que seja visto.”

Segundo o Henrique, “o que é visível nos orienta, mas o que nos move é invisível”O que nos move está oculto no mundo intangível das relações com o outro e consigo mesmo. Para ter acesso a esse mundo que existe, mas nos passa desapercebido, é preciso desenvolver toda uma nova percepção.  

E nada melhor do que o pensamento sistêmico para nos ajudar a entender melhor as dinâmicas humanas que acontecem nos ambientes de trabalho. É o tipo de pensamento capaz de nos ajudar a nos tornarmos os líderes e gestores que temos tanto potencial para ser.

A pauta é espetacular! Veja os temas que serão tratados:

Módulo 1: A Liderança e a Gestão do Invisível

– Como os sistemas funcionam.
– James Baldwin – “nada pode ser mudado até que possa ser visto”
– As qualidades presentes nas boas e más experiências de gestão
– O que orienta e o que move
– O que está invisível nas pessoas, equipes e organizações
– As leis sistêmicas da liderança: que leis regem os sistemas e como elas impactam a sua realidade.
– As pessoas como criadoras de significado 
– As mensagens invisíveis que você passa para sua equipe
– Movimentos, formatos e funcionamentos dos grupos e organizações
– Aprendendo a enxergar o visível
– Extraindo a coerência de tudo
– Humberto Maturana e a mudança em torno do que queremos conservar
– Enxergando o invisível e olhando as interconexões do todo
– O que é, de fato, um gestor ou uma gestora e quais são suas responsabilidades
– Trabalhando em 3 níveis (Identidade e Significado / Tarefa e Execução / Emoção e Engajamento)
– Liderança Sistêmica exige foco na estrutura e foco nas pessoas
– Os domínios da Liderança Sistêmica
– Gestão Ontológica de Ivonne Hidalgo (Gestão da Realidade, Gestão do Resultado, Gestão da Relação, Gestão da Possibilidade e Gestão da Aprendizagem)
– O grupo e a relação com o líder
– Padrões geram ciclos e a tendência a cristalização dos sistemas
– Ferramenta: Detecção e entendimento dos ciclos de comportamento nas equipes
– As ações que geram sistemas cristalizados
– Princípios Organizacionais e a importância da comunicação concreta e dos comportamentos esperados
– Princípios vs Valores
– Ferramenta: Alinhamento de visão, impacto, propósito, e prática
– Identificando e entendendo os custos invisíveis da organização

Módulo 2: A Comunicação como Elemento Essencial

– Ken Wilber e os níveis de consciência
– A comunicação de acordo com os níveis de consciência
– A Empatia Assertiva de Kim Scott
– Os quadrantes da comunicação: empatia assertiva, empatia nociva, insinceridade manipuladora e agressividade ofensiva
– O que está por trás da comunicação em grupo
– Resolver o problema vs Consertar o outro
– O alinhamento entre comportamento e necessidades
– Expectativas Claras: Como fazer um pedido efetivo
– Escutar para Compreender
– Comunicação não violenta
– A comunicação baseada em fatos e não em julgamentos
– Como ter conversas difíceis usando a comunicação não violenta
– Como dar feedbacks, elogiar e criticar
– Como criar uma cultura de feedback
– Ferramenta: Mapa de Reconhecimento
– Desenvolvimento de Talentos e Aprendizagem
– Ferramenta: Quadro de Competências
– Planos e práticas de aprendizado
– Como ter conversas transformadoras
– Como trabalhar as estruturas e relações
– As reverberações da alta hierarquia​

Módulo 3: O Funcionamento dos Times e Grupos

– O dinâmica do indivíduo dentro do grupo
– Edgar Schein e a dinâmica do indivíduo dentro do grupo
– O indivíduo e sua identidade
– O indivíduo e sua influência
– O indivíduo e sua aceitação e familiaridade
– O indivíduo e suas necessidades e objetivos
– O indivíduo e seus vários padrões de comportamento no ambiente de trabalho segundo Suzzane Johnson
– Gestão de Equipes e a estrutura dos grupos segundo Kurt Lewin
– A influência do espaço geográfico
– Posições e Papéis nos grupos
– O Espaço Psicológico e a qualidade dos relacionamentos
– O grupo e suas normas de funcionamento
– As quatro diretrizes de funcionamento dos grupos
– Pré-tarefa / Tarefa / Reflexão
– As fases de desenvolvimento dos grupos por Tuckman (Forming, Storming, Norming, Performing)
– O que o líder deve fazer em cada estágio de desenvolvimento do grupo
– Grupo ou Equipe? Todo grupo precisa se tornar uma equipe? Eu preciso ter sempre uma equipe? O que determina um grupo ou uma equipe?
– Pseudo-equipe, grupos de trabalho, equipe potencial, equipe real, equipe de alto desempenho
– Os maiores erros que afetam a produtividade de um grupo de trabalho
– Os 5 desafios da equipe segundo Patrick Lencioni
– A relação entre confiança e colaboração. 
– Como trabalhar a confiança na equipe.
– O engajamento como decisão individual
– Como sustentar o engajamento
– A Pirâmide de Maslow adaptada ao trabalho
– A pirâmide motivacional e como chegar ao alto engajamento
– Os principais elementos engajadores no ambiente de trabalho e como descobrir o que engaja as pessoas no seu time

Módulo 4: Visão Integrada Rumo aos Melhores Resultados

– Visão Integral e Sistêmica
– Os 7 comportamentos essenciais para gerar execução (Charam)
– A teoria integral de Ken Wilber e como criar uma visão mais ampla das situações
– Exercício – O Dilema: Conflito entre funcionários
– Capacidade de Trabalho por Elliot Jacques
– O sofrimento do indivíduo que não está no trabalho certo. O que significa estar no lugar certo?
– A importância da cognição para encaixar a pessoa certa com o trabalho certo
– Os 5 níveis de complexidade cognitiva e sua relação com tipos de trabalho
– As formas de processamento mental cognitivo
– A gestão do tempo: como dedicar tempo para a liderança
– Tarefas importantes, urgentes e circunstanciais por Christian Barbosa
– Como priorizar as tarefas: o quadrante valor vs tempo
– Os tipos de líderes de acordo com a gestão do seu tempo (operacional, estratégico, produtivo)
– Como se transformar de líder operacional em líder estratégico
– Como se transformar de líder estratégico em líder produtivo
– Responsabilização: como gerar senso de responsabilidade na sua equipe
– Monitoramento e acompanhamento das tarefas
– Ferramenta: O quadro de gestão à vista para acompanhamento de tarefas
– Como criar um processo de monitoramento efetivo
– As 9 Regras de Ouro da boa liderança sistêmica

O curso será dado todas as terças-feiras de novembro: Dias 05, 12, 19 e 26/11 sempre de 20:00 às 22:00hs (horário de Brasília).

Todos os detalhes estão aqui nessa página…

Ah, e como é de praxe aqui no Software Zen, se você é ex-aluno da 1a. Edição do Liderança Sistêmica, já sabe que poderá se juntar a nós gratuitamente nessa segunda edição. Mais informações sobre como você pode se matricular serão enviadas em breve. 

E aí? Despertou em você o interesse por mais essa transformação? Então não se esqueça! As matrículas começam nessa próxima segunda-feira!